Torre de Moncorvo

Forum dedicado à Vila e Concelho de Torre de Moncorvo
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Agricultores expropriados pela barragem do Baixo Sabor

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Marco
Admin
Admin
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 93
Idade : 35
Localização : Braga
Profissão : Professor
Data de inscrição : 16/04/2008

MensagemAssunto: Agricultores expropriados pela barragem do Baixo Sabor   Qui Nov 27 2008, 03:49

19 proprietários de terrenos agrícolas do concelho de Torre de Moncorvo estão a vender as parcelas a preços acima do valor comercial, no âmbito da primeira fase de expropriações para a construção da barragem do Baixo Sabor.

Ao que o Jornal NORDESTE conseguiu apurar, há parcelas que vão render 10 vezes mais aos proprietários em comparação com o seu valor real. Os preços praticados pela EDP rondam os 0,70 euros por metro quadrado para as terras com monte e 1,30 euros para as parcelas cultivadas e com árvores de fruto.

“Na minha opinião pagaram bem os terrenos. Eu fui expropriado de uma parcela com 1600 metros quadrados, que tinha oliveiras, amendoeiras e uma parte de monte, no Alto do Couto, na freguesia do Larinho”, afirma Ercílio Fernandes.

Na óptica deste proprietário, as terras estão a ser pagas a valores acima da média, tendo em conta a sua fraca localização e o facto da agricultura estar decadente. No entanto, Ercílio Fernandes realça que, quando há sentimentos associados ao património, o dinheiro acaba por não compensar a perda.

A barragem do Baixo Sabor é aplaudida pela maioria dos agricultores, que justificam o bom negócio com os fracos rendimentos retirados da produção agrícola. “Eu não estava a ter lucro nenhum com aquela parcela. Ainda tinha era despesas com jeiras. Por isso, considero que a vinda da barragem foi uma sorte para a população”, acrescenta Ercílio Fernandes.

O Larinho é uma das freguesias mais beneficiadas com a barragem, visto que há uma vasta área que vai ficar inundada. Por isso, até há quem graceje, dizendo que “o euromilhões saiu para as pessoas daquela localidade”.
“Os terrenos foram bem pagos de acordo com a forma como eram tratados. Por isso, a maioria das pessoas está contente”, garante Ercílio Fernandes.

Segunda fase das expropriações para a construção da barragem arranca no início do próximo ano

Nesta primeira etapa, a EDP vai adquirir cerca de 100 hectares (ha), o que corresponde a 143 campos de futebol. Esta é a área necessária para dar início à empreitada, incluindo os terrenos para a construção das duas barragens e os acessos à instalação dos empreiteiros.

O processo está a decorrer com normalidade e os proprietários já receberam 80 por cento do valor das parcelas, aguardando a realização da escritura para arrecadarem a totalidade.
Para a construção do Aproveitamento Hidroeléctrico do Baixo Sabor, a EDP necessita de 2700 ha, pelo que vai arrancar com uma segunda fase de expropriações já no início de 2009.

“Tenho dois terrenos que poderão ficar inundados, um na totalidade e o outro parcialmente. Estou à espera da segunda fase para ser expropriado. Se pagarem na média dos preços praticados na primeira fase, é um bom negócio”, salienta Eugénio Gouveia, habitante do Larinho.
Recorde-se que a empreitada teve início no passado mês de Julho, com a execução de um conjunto de obras preliminares, e irá prolongar-se até 2013, a data prevista para a conclusão da Barragem do Baixo Sabor.

Fonte: "Teresa Batista, Jornal Nordeste, 2008-11-18"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://moncorvo.forumativo.com
Macorreia
Membro
Membro


Masculino
Número de Mensagens : 19
Idade : 83
Localização : Lisboa
Profissão : reformado
Data de inscrição : 21/10/2007

MensagemAssunto: Re: Agricultores expropriados pela barragem do Baixo Sabor   Dom Nov 30 2008, 01:29

Ora aqui está uma boa notícia!...

Os proprietários expropriados pelos terrenos da barragem do Baixo Sabor estão a ser devidamente indemnizados pelos seus terrenos, por valores bem acima do seu valor real.

Como se vê (e atentando num outro comentário que já aqui inseri hoje a propósito das rendas de casas), ninguém considera neste caso que haja aqui qualquer especulação de preços!...

Se os donos da obra acham que podem pagar tais valores, porque é que os proprietários não hão-de aproveitar a maré favorável?...

Macorreia
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marco
Admin
Admin
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 93
Idade : 35
Localização : Braga
Profissão : Professor
Data de inscrição : 16/04/2008

MensagemAssunto: Re: Agricultores expropriados pela barragem do Baixo Sabor   Dom Nov 30 2008, 03:19

Bem dito Macorreia. Temos que ter em conta que muitas dessas propriedades constituem o "Ganha-Pão" de muitos dos seus proprietários, e que estão por vezes na posse dessas familias á gerações e gerações, sendo por vezes criados certos laços e dependências afectivas com as mesmas propiedades, mas acima de tudo temos que considerar que alguns agricultores vão perder umas das principais formas de rendimentos. Por isso também não concordo que se achem os valores demasiado altos. Os terrenos têm que ser pagos e BEM pagos. Já em relação à especulação imobiliária não concordo tanto......nesse aspecto na minha opinião acho que deveria ter sido melhor pensado e planeado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://moncorvo.forumativo.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Agricultores expropriados pela barragem do Baixo Sabor   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Agricultores expropriados pela barragem do Baixo Sabor
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Alguem ja comprou pela loja Angolz
» Ferrari Enzo - "FIORANO"
» MINICRAFT 1/144 BOEING 727-200 VASP
» Grumman Widgeon-Finalizado !
» Mercado Livre sendo responsabilizado nos casos de fraude !

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Torre de Moncorvo :: Vila e Concelho de Torre de Moncorvo :: Noticias-
Ir para: